Repositório Digital do Transporte

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.itl.org.br/jspui/handle/123456789/505
Título: Siga bem motorista: a comunicação colaborativa e o engajamento do time de campo para o setor de transporte rodoviário de cargas brasileiro
Autor(es): Penido, Cristina Botelho
Dutra, Gardênia Freyre Batista
Campelo, Joselito Anchieta
Viliccic, Marcelo
E-mail: penidocristina@gmail.com
gardeniafreyre@gmail.com
joselitocampelo@gmail.com
marcelo.viliccic@latam.com
Orientador: Boaventura, Marcio
Número da turma: GN - T42
Data do documento: 2021
Citação: PENIDO, Cristina Botelho et al. Siga bem motorista: a comunicação colaborativa e o engajamento do time de campo para o setor de transporte rodoviário de cargas brasileiro. 2021. 128 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização em Gestão do Negócio) - Fundação Dom Cabral; Instituto de Transporte e Logística, Fortaleza, 2021.
Resumo: In a world surrounded by the doubts and quickness of the changes caused by the 4th industrial revolution, and moved by digital interaction, where man feels himself threatened by the machine and at the same time, he trembles in front of all the progress that molds and speeds up the world around him, the organizations need to reposition themselves towards the way they think its personnel management, looking for better ways to contribute for the main role of its human resources. Therefore, this research has the goal to determine the best strategies to engage and communicate with the field team of a road carrier enterprise, so it’s possible to identify the main elements and instruments to be used to develop a digital tool for this purpose. A qualitative research type was used, as for the objects a study characterized as described through a case study of a road bulk cargo carrier enterprise. Finally, this study aims for the development of a mobile application. In the results, according to the team field’s profile, its familiarity and expectations, it was noticed that the elements which must be used in a digital tool so it can engage with field team and, also, create a collaborative communication between the company and its staff, must be implemented gradually during three phases: the first phase works out the relationship between the employee and himself, the second phase works out the relationship between the employee and his colleagues (team), and the third phase works out the relationship between the employee and the company’s operations. These phases and elements guarantee the optimal team acceptance, because it makes the employees feel like they are the main character of the process, leading for a collaborative communication and team engagement. Thus, the most fit tool is the use of a mobile application due its accessibility and low cost compared to others technologies. As long as its development follows the three advised, making use of gamification and virtual assistant in each one of them, as described in this project.
Resumo: Em um mundo cercado pelas incertezas e velocidade das mudanças provocadas pela 4ª Revolução Industrial e movido pela interação digital, em que o homem se sente ameaçado pela máquina ao mesmo tempo que estarrece diante de todo o avanço que transforma e agiliza as relações ao seu redor, as organizações precisam se reposicionar diante da forma como pensam a sua gestão de pessoas, buscando quais as melhores práticas que possam contribuir para o protagonismo de seus recursos humanos. Assim, esta pesquisa tem como objetivo geral determinar quais as melhores estratégias de engajamento e comunicação em relação ao perfil do time de campo de uma empresa de transporte rodoviário de cargas, para que se possa identificar os principais elementos e instrumentos que devem estar presentes na construção de uma ferramenta digital para esse fim. A pesquisa é de natureza qualitativa, sendo, quanto aos objetos, um estudo que se caracteriza como descritivo, através de um estudo de caso em uma empresa de transporte rodoviário de carga a granel. É, por fim, um estudo voltado para a construção de um projeto aplicativo. Como resultados de acordo com o perfil do time de campo da empresa, sua familiaridade e expectativas, foi detectado que os elementos que devem constar em uma ferramenta digital para que ela engaje o time e crie uma comunicação colaborativa entre empresa e colaboradores, devem ser implantados em um processo gradual que atenda, respectivamente, a três fases: primeira fase, trabalhe a relação do colaborador com ele mesmo; na segunda, trabalhe a sua relação com os outros (equipe), e, por fim, na terceira fase, trabalhe a relação do colaborador com as operações da empresa. Essas fases e elementos garantem a melhor adesão do time, porque fazem com que os colaboradores se sintam protagonistas do processo, abrindo caminho para uma comunicação colaborativa e de engajamento do time. Nesse sentido, o instrumento mais indicado é o uso de um aplicativo por sua acessibilidade e baixo custo diante de outras tecnologias, desde que seu desenvolvimento siga as três fases recomendadas fazendo em cada uma delas o uso de funcionalidades de gamificação e assistente virtual, como descrito neste projeto.
Palavras-chave: Team field profile
Communication
Engagement
Digital tools
Palavras-chave: Perfil do time de campo
Comunicação
Engajamento
Ferramentas digitais
Descrição: Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização em Gestão do Negócio) - Fundação Dom Cabral; Instituto de Transporte e Logística, Fortaleza, 2021.
Aparece nas coleções:Gestão de Negócios (GN)



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.